Eutonia | Como se Trabalha | Ekilibrium Studio de Dança | Santana | Zona Norte | São Paulo
Rua Dr. Olavo Egídio - 527 - Santana / SP
Ligue: (11) 2978-5730

Como se Trabalha

As aulas são orientadas pelo (a) eutonista, através de exercícios simples e funcionais, que podem ser praticados em grupo ou individualmente, e visam à integração global e o bem estar geral das pessoas.

Com o auxílio de objetos, como bambus, bolinhas de tênis, bexigas, castanhas, sementes, entre outros, o (a) eutonista leva o (a) aluno (a) a sentir o próprio corpo e a posicioná-lo da melhor maneira, levando em conta a força da gravidade e o próprio esqueleto que o sustenta, estimulando assim, o potencial criativo e expressivo de cada aluno (a).

A aula é composta de exercícios que trabalham os apoios e o volume do corpo (ensinando as pessoas a utilizarem conscientemente seus reflexos posturais), a sensibilidade tátil, a consciência da estrutura óssea, dos espaços internos, dos tecidos profundos, possibilitando a obtenção de um tônus adequado, não só em uma situação de repouso e relaxamento, mas também nas demais situações do cotidiano.

Com a prática constante da Eutonia, é possível que o aluno aprenda como utilizar seu corpo em seus movimentos diários de maneira eficiente e econômica, consciente e harmoniosamente, com músculos tonificados e ao mesmo tempo flexíveis.

As aulas de Eutonia feitas em grupo, possibilitam aos alunos estarem mais ativos e atentos em seu processo de reconhecimento do corpo. Acompanhados sempre pelo (a) eutonista, os alunos aprendem a valorizar as próprias experiências, a se adaptarem a um grupo e a cooperarem com os outros. Porém o ensino em grupo pode ser complementado, quando necessário, por aulas individuais e vice-versa.

Os estudos de movimentos em grupos levam o aluno às inúmeras possibilidades de expressão e que talvez, não conseguiria chegar sozinho. Este progresso, porém, depende da necessidade individual de adaptar seu próprio tônus, o seu ritmo e seu tempo aos do grupo, sem que perca sua própria individualidade.

No grupo, o aluno terá o tempo necessário para encontrar a sua própria maneira de trabalhar. Em suas experiências, não se sente observado, capacitando-o para trabalhar sozinho, sem que corra o risco de tornar-se dependente do (a) eutonista. Desenvolve-se no aluno, uma nova consciência, tanto de seu espaço interior, quanto o exterior, através de movimentos simples, do repouso até o jogo dinâmico com o outro (ou com o grupo) no qual ninguém dirige ou é dirigido, mas movidos por um impulso comum.  

1
Objetos que auxiliam a Eutonista na manipulação da Eutonia: Bambus, bexigas, bolinhas de tênis, castanhas, sementes, entre outros.
2
Vivência com Flores
3
Vivência com Bambus
4
Vivência com Massas
5
EUTONIA e SIPAT
by